A trama de se apegar somente em momentos de insegurança


Oi lindos e lindas. Tudo bem? Hoje estou aqui para falar um pouco sobre a mania que  os seres humanos têm de só se apegar e expressar a “necessidade” pelo outro, quando sentem-se inseguros com o namoro ou com eles mesmos. Mas, como assim?

tumblr_mpcgeltbly1qc42o0o1_500Sempre fui devota da autoavaliação, ainda mais quando o assunto é se relacionar com outras pessoas. Pois, tanto quanto é saudável para si mesmo ter como prática se avaliar vez em quando, também é para o namoro, ainda mais quando existem coisas que acontecem e ninguém se da conta e só percebe quando chega a incomodar uma das partes.

“Mas como assim se apegam só em momentos de insegurança?”

É simples de saber identificar esse caso, pois é muito comum de ocorrer com relacionamentos que estão começando ou que após um tempo entram em crise. No geral, esse apego repentino e “necessidade” da presença do outro decorrente da insegurança, nem sempre pode ser algo bom para os dois, uma vez que pode confundir quem sente e quem recebe esse afeto, levando em consideração que não existe solidez no sentimento e sim atitudes entorno da insegurança, medo ou frustração.

Sendo um pouco mais prática, imaginemos a seguinte situação, um casal que entrou em uma crise e após uma conversa aparentemente estão bem, porém uma das partes ainda sente-se mal, achando que qualquer brisa pode derrubar o que os dois construíram. É automático numa situação dessa, o lado que está inseguro, apresentar um afeto maior e carinhos a mais. Porém, o problema não está em dar o carinho, mas sim na origem dele.

Esta forma de demonstrar o sentimento, muitas das vezes não representa a existência de amor ou paixão, mas sim um sentimento de culpa ou de medo, seja de perder o outro ou até de simplesmente sair errado na história. No todo, seria como demonstrar algo que na realidade não está muito bem resolvido.

É importante considerar…

… que não é sempre que se esconde insegurança, medo ou até quem sabe uma culpa, atrás de um caso como esse! Pois, existem momentos que estamos carentes e realmente demonstrar através de carinhos e um modo mais sensível, pode significar que exista sim um sentimento sólido.

Fica a dica 😉

Sempre devemos ter a convicção do que sentimos ou ao menos o que queremos, antes de fazer com que alguém se sinta importante. As vezes não nos lembramos ou até mesmo não nos damos conta do que falamos/fazemos, mas quem ouve e é atingido, irá lembrar. Toque a vida do outro com carinho, porém tenha certeza que isso te faz bem acima de tudo.

Espero que tenham curtido o bate papo gente! Desculpa pelo sumiço, mas prometo que agora os posts serão mais frequentes. Beijooooooks da Kah!

Karina Boldoro


Sugestões, críticas, opiniões, sofrimentos, frustrações, rs. Você já passou por isso? Vamos conversar! 😉

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s