Grito Silencioso de um Alguém Perdido


Sabe aquele texto que a gente escreve tendo todos os motivos do mundo e razão alguma de existir? Aquele desabafo tão íntegro de palavras e ao mesmo tempo tão limitado e sem conteúdo? Um vazio tão cheio de porquês e sem nenhuma resposta? Uma vontade imensa de gritar e não saber ao certo o que?…

Vamos?


Vamos dar tempo ao tempo que o tempo sabe onde ir e onde chegar Vamos olhar o tempo passando e dizer que a culpa é de quem não para de olhar Vamos culpar o mundo por escolhas que cabe a nós optar Vamos olhar o fundo e dizer que cheira mal o que deveria perfumar Para…

Ninguém é inteiro sozinho


Num dia cinzento digno de um copo de Whisky, cobertores aos montes e uma preguiça abstrata, faltava algo… Saber o que era nem me atrevia, nunca fui o cara mais atento para coisas do coração, não era parte de minhas habilidades compreender sentimentos, mas naquele dia tudo estava diferente. Ficara meio perdido dentre os cômodos…

Vi no Tumblr…


Eu não quero ser lembrado apenas quando morrer. Não quero que olhem para quem eu fui quando eu já não puder mais ser. “Ele era tão isso, tão aquilo, por que eu não disse o quanto me importava?”, então por que não diz agora? É sobre isso que eu falo. Se puder me abraçar agora,…

Sobre te amar…


Suas palavras nada me dizem quando suas ações me provam o contrário, não sei se digo no ato da fala ou se deixo escorrer pelos dedos aquilo que sinto. Garoto você meche comigo de um jeito que você sabe que tens o controle de minhas ações, não digo que gosto ou desgosto de pertencer a…

Ninguém precisa saber


Ninguém precisa saber da palavra dita ou atirada sem direção da atitude feita ou em vão do sentimento reprimido ou acolhido de forma errada do beijo dado, do toque doado do sentimento idealizado, morto ou enterrado… pra que saber? pra que mexer? Deixa a ferida sarar, deixa o tempo correr   quem sente a dor…

Pensamento ao vento…


Não procuro a felicidade, só tento viver em paz tornando minha rotina algo agradável, fazendo com que os bons momentos sejam únicos e pessoas que passam por ela, importantes. Minha vida é um livro aberto, mas só conhece a história quem, de algum modo, fez ou faz parte dela.   Karina Boldoro

Sou somente eu. Eu.


Mesmo que doa, sinta Mesmo que perdure, encare Mesmo que entristeça, fique Não vá. Não fuja. Não suma. Se doer, eu curo. Se perdurar, eu fico. Se entristecer, eu choro Se chorar, sou eu.. sou só eu Somente uma mente insana Somente quem não mente nem engana Somente eu. Só eu. Se me aceitar, eu…

E a vida segue …


E a vida segue Mesmo que você não queira Mesmo que não perceba, ela segue Mesmo que não mude Mesmo que perturbe, ela segue Mesmo que não goze Mesmo que não ouse, ouça o que digo, ela segue Mesmo sem intenção Mesmo sem atenção, ela segue… Sem certeza eu sigo, duvida me segue Muita coisa…

Vivendo no limite da tolerância…


Sempre fui devota da positividade, porém assumo que atualmente ser otimista não tem sido fácil. As pessoas andam desenvolvendo um repúdio umas pelas outras, o qual não entendo, apesar de fazer parte desse grupo. Viver no limite da tolerância, no limite da paciência, ouvir e não ouvir de fato, são atividades típicas que causam um…

Certa vez quis sumir…


Vez em quando a vontade de sumir é maior que tudo, depois em alguns momentos a vontade de viver supera. Outras vezes quero tudo que tiver ao meu alcance e até o que não está, em outras só quero um cantinho silencioso para eu repousar minhas lamúrias. Sou o mais e o menos, unidos de…

Agora é comigo!


Trabalho com inteiros, nunca fui de meio termo, de “cima do muro”, não consigo enganar a quem me quer bem e àqueles que querem o contrário, procuro usar de minha moral para destruir seus ideais de forma que não precise sujeitar minhas mãos ao ato. Não consigo por muitas das vezes dizer “não”, não posso…